Tibério (42 a. C. – 37) foi o segundo imperador romano e governou entre 14 e 37 da Era Cristã. Tibério Cláudi…

Tibério (42 a. C. – 37) foi o segundo imperador romano e governou entre 14 e 37 da Era Cristã. Tibério Cláudio Nero nasceu em Roma, no dia 16 de novembro de 42 a. C.
Era filho de Tibério Cláudio Nero e de Lívia Drusila. Com quatro anos, passou a fazer parte da família imperial, quando a sua mãe se separou e casou com o imperador Augusto.
Educado na carreira militar, fez campanhas na Germânia, na Gália e na Arménia, que lhe garantiram apoio popular.
Após regressar a Roma, Tibério foi nomeado pretor e enviado à frente do comando de campanhas no Ocidente, ao lado de seu irmão Druso.
Na regresso a Roma, em 13 a. C, Tibério foi designado Cônsul.
Em 12 a. C., por ordem do imperador Augusto, casa-se com Júlia, filha de Augusto e viúva de Agripa.
Com a morte de Augusto, no ano 14, sem deixar filhos, Tibério foi nomeado pelo Senado, recebendo o nome de "Tibério Júlio César Augusto" e começou a executar os planos deixados por seu antecessor.
Nos primeiros anos de governo, Tibério regularizou a economia com uma administração eficiente, reduzindo os gastos públicos.
Assegurou as fronteiras e foi adepto de uma política menos expansionista, optando por consolidar as instituições, tendo, contudo, reduzido o poder do Senado.
No ano 27, temendo ser assassinado, Tibério retirou-se para a ilha de Capri, de onde governava por intermédio de Sejano.
Durante o resto da vida, o imperador Tibério submeteu Roma a um regime de terror, embora lhe seja reconhecido o facto de ter deixado um império solidamente estabelecido.

Imagem: Áureo de Tibério Composição a partir de duas fotografias de Paulo Alves
Nº Inventário: 2014.17.5


Ver artigo