Retrato de Bulhão Pato

Columbano Bulhao Pato Fit 195x263 3.jpg

A finalizar este nosso encontro diário e porque o horário assim o sugere, propomos-vos hoje "Lebre à Bulhão Pato".
Columbano Bordallo Pinheiro e Bulhão Pato, unidos pelos prazeres gastronómicos, num texto de Angelina Pessoa.

Rendido aos nossos literatos, o fotógrafo, ourives e gastrónomo Paulo Plantier (1840-1908) dedica o seu livro O Cozinheiro dos Cozinheiros, editado em 1870, a Júlio César Machado. Participam neste livro, alguns dos mais importantes escritores da época, tais como Bulhão Pato, Ramalho Ortigão, Júlio César Machado, entre outros. Bulhão Pato amante da gastronomia brinda-nos neste livro com a sua famosa Lebre à Bulhão Pato.
Numa das epistolas (não datada) de Bulhão Pato ao seu amigo Columbano Bordallo Pinheiro, testemunhamos o gosto de ambos pelos prazeres da mesa: Querido Columbano. Vae a lápis. Obrigado pelo retrato. Assim que possa aviso-te, para na Estrela d`Oiro termos um dos nossos queridos banquetes. Quando será? Tenho saudades tuas. Beijo as mãos de tua santa irmã.
Teu
Bulhão Pato

Saiba mais em:
http://www.museuartecontemporanea.gov.pt/…/p…/ver/361/artist

Retrato de Bulhão Pato

Executado no ano de regresso a Portugal, este primeiro retrato de Bulhão Pato apresenta, relativamente a obras anteriores, uma paleta bem mais clara em torno dos ocres. O claro-escuro dilui-se quase por completo. As pontuações matéricas dos quadros da fase parisiense generalizam-se a toda a supe…
Ver artigo