D. Henrique era um barão a quem não repugnava o negócio e nos anos 20 [1420] vem…

92829623 3179525142077823 7779708948847788032 O.jpg

D. Henrique era um barão a quem não repugnava o negócio e nos anos 20 [1420] vemo-lo empenhado no desenvolvimento das suas terras, fossem as do ducado de Viseu, fossem as da Ordem de Cristo, no pedido de criação de feiras e no acompanhamento pessoal das atividades económicas nos seus senhorios. Nesses anos interessou-se particularmente por Tomar, sede da Ordem, e deixou obra ainda hoje digna de apreciação, quer no Convento de Cristo – Tomar, quer na vila.

A história do Infante pode ser lida, ou relida, seguindo o link https://bit.ly/3c3Li4A. Boas leituras!

#padrãodosdescobrimentos #culturaemcasa #lisboaculturaemcasa




Ver artigo